29 dez 2012

Solta a voz Simone:…Então é Natal…(ops atrasado!) então foi o natal…

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Cultura

Por:

Mocinhassssss, já foi eu sei eu sei, Simoneeeee se ta atrasada nega…

Pois bem graças a este feriado e as milhares de festas que a super pop da minha host foi convidada, eu não tive muito tempo para dar o ar da graça, mas as outras meninas fizeram post e eu achei que nao era necessário falar do assunto again. BUTTTTTTT como eu dentre elas sou a única que passei mais e um natal nesta terrinha, acredito eu que tenho uma experência diferente.

No meu primeiro ano,   minha famlia me convidou (tipo não aceito NÃO como resposta), mas eu tambem falei já que tinha que levar minhas amigas comigo e junto foram a Carol e Nara. Fui convidada para ir em um churras de uma amiga, mas nao tinha como falar não para HF e no fundo eu super adoraria ver como seria. Como já disse em outros posts minha HF é super tradicional, sim de seguir tudo como manda o figurino. Fora que aqui a decoração é um espetaculo a parte. Meninas sei lá tudo é diferente, não sei explicar… é uma magia estranha… é muito bonito muito mesmo.

Eu não comemoro natal, mas minha familia sempre faz um jantar se reunem, conversa, ri, sei lá é epoca de ver quem se ama, e no meio auperiano é o mais dificil porque até as mais fortes sentem muita falta da familia das terras tupiniquins, até da novela mexicana da década de 90 (adorooooooooooo, ouse falar mal da paola e das marias acaba amizade). Costumo dizer que essa uma das provas de fogo da saudade.

Minha HF não coloca os presentes na árvore de natal, eles colocam as meias enfeitam tudo, no dia 24  nós vamos na igreja ( eu não pertenço a religião deles, vou só ver minha kid cantar no coral e natal) , depois jantamos, colocamos as kids na cama lá pelas nove, antes eles colocam água para as renas, biscoito e leite para o papai noel na lareira. Assim que eles vão dormir, eu nao sei  como, mas minha host começa a tirar de tudo quanto é canto, um milhão de presentes que estão escondidos, a minha mais velha de oito anos já sabe que não existe, mas fica quieta não conta nada! Ela superrrr se acha a adulta (coitada quando ela for vai se arrepender), mas os outros nossaaaaaaaaaaaa é muito bonitinho, coisa de filme até eu retardada mor fiquei com a cena do papai noel comendo biscoito e tomando leite, baixariaaaaaaaaaaa VOLTA PARA O CHÃO BALÃO.

Se eu fosse contar tim tim por tim tim como foi o Natal passado, daria um post separado com várias partes, minha amiga deu a ideia de fazer posts do tipo “CaUsos da Naiara”, sim meu porque tem coisa nessa vida que só acontece comigo. Uma tremenda patifaria que a vida insiste em aprontar.

Mas tudo foi de boa, minha amiga foi para o Brasil e levou vários presentes que eu mandei para minha familia, e fui em NYC vi a decoração de lá que é simplesmente fantastica. A comida não é na fartura do Brasil, nem o calor humano misturado com o clima local se compara, acho que isso é muita coisa de filme, e olha que entre alguns que eu vejo minha familia esta no top 5 de carinhosas. Os presentes, foram um capitulo tambem a parte, eu não dei super presentes (nem escolhi com vontade) como consequencia tambem não ganhei.

Só que nesse ano, eu já tinha avisado que não iria rolar minha participação, minha host disse que o jantar esse ano seria com amigos no Country Club e que ela reservou para mais duas amigas minhas, ai meu bem que eu falei I am so sorry do fundo do coração sem nem pensar duas vezes, eu sei queria passar com gente da gente (olha  netinho ai genteeeeeeeeee), queria passar com pessoas ali de coração pertinho, por mais que eu não comemore, não é uma data para se celebrar com vários que eu nem conheço.

Eu não sou de grupinho nem de panelinha acho isso bem démodé, quem quiser ser meu amigo não encontra dificuldade sou bem facinhooooo, dada eu diria, adoro conhecer novas historias e apreder coisas novas, por isso conheço muitaaaaaaaaaaaaaaaaaa gente boa, muita mesmo, não gosto que ninguem se sinta excluído, da minha vida eu não excluo ninguem, caso algo ocorra eu apago, para mim o ser humano não existe mais, e a infelicidade ou a felicidade dele já não me afeta em nada, mas olha tem que pisar, nadar feio no tomate para eu fazer isso. Mas detalhe sordido, eu não sou uma pessoa fácil,   fico chatiada por bobeira, sou encanada, sou dramatica e adoro  falar mais que nega do leite. No meio dessa galera toda tiveram algumas com a grande considereção de me convidar para passar junto a elas com a HF delas, minha host iria ter um ataque de pelanca se sonhasse que eu cometeria tal traição. As amigas de longe até no Hawai, falou vem ceiar conosco. Tem algumas lindas, que são amigas da vida inteira, que vieram comigo no treinamento, mas não estão no meu estado. São das bandas up…Pois bem foi em uma das conversas com elas para saber como todas estavam, que a Carol me convidou para ir até New Jersey, celebrar com eles. Naquele momento eu estava meio carente de colo de amiga, meia chatiada com algumas coisas, foi ai que eu não pensei duas vezes , VOU! Foi um dos melhores convites do ano.

Camila, Carol, Eu e a Dani!

Camila, Carol, Eu e a Dani!

Adorooooooo

Adorooooooooooo

Carol, Eu, Ana, Luana e Dani

Carol, Eu, Ana, Luana e Dani

Avisei minha host que tentou persuadir até o último minuto, masssss não conseguiu hahhahahahha, pois bem eles me deram os presentes que foram inacreditaveis, chorei agradeci muito, e eu entreguei os deles…..

cenas para o proximos capitulo…

1 comment

6 dez 2012

Entrevista com Host Family (Ahhhhh que nervoso!)

Categoria: Au Pair is..., Dicas, Medo

Por:

Olá meninas lindas deste meu Brasil Baronil, hoje o post é para vocês…

Depois que você entrega aquele application no capricho, a mensagem de que a sua pessoa esta online, deveria vir acompanhada de uma super proteção ao F5 do teclado, não é minhas senhoritas?! Pois  a dignissima é apertada mil e quinhentas vezes por dia, nem a melancia dançando na velocidade 100 do creu consegue atingir essa marca.  Tudo isso vem com uma ansiedade de dar medo em toda a população masculina do mundo.

Ai quer enfiar de uma vez só os dois pés na JACA, você recebe o e-mail de interesse, gritaaaaaaa de alegria, já se imagina morando no local, nas fotos  que vão para o facebook e morre em suspiros só quando tem uma entrevista marcada, isso quando é marcada porque comigo teve dois casos de eu receber ligação sem saber, em um deles achei que eu nao estava escutando direito, que a linha estava com problema e desliguei na cara de uma host family, meuuuuuuuu gringo falar NAIARA nossaaaaaaaaaaaaaaaaaa, é muito dificil, até hoje minha host se enrrola e me chama de Naiarraaaaaaaa, Niaraaaaa e afins kkkkkkkk. Minha mais nova me chama de Nauaua, e todas as minhas amigas me chamam assim tambem rsrsrrs.

É interessante abrir um parênteses:

Quando chega mensagem de familia interessada e você nao recebeu e-mail ou telefonema da familia, se você realmente gostou do pefil. Mande um e-mail pequeno se apresentando, com seus contatos e atenção ao melhor horario para ligar.

Voltando ao assunto, pois é minhas queridas desliguei o telefone duas vezes. Até que me liguei no babado, vou falar da minha experiência com as entrevistas. Foi cada uma…. que nossa só rindo só rindo rsrrsrrs, demorou algum tempo mas até que eu aprendi e cá estou rsrsrrs.

Eu não sei vocês mas eu ficava uma pilha de nervos quando ia ter entrevista, minutos antes da chamada ser feita eu não sabia nem falar português, inglês então ahhhh Tá CREIDE. Minha comunicação era um idioma que eu ainda não sei de que parte do mundo ele vem.

Teve uma HF que me perguntou a minha idade, e eu não entendi, gente quando eu lembro eu dou risada, mas naquele dia quando eu desliguei, eu chorei de raiva de mim mesma. Eu tinha feito quatro horas de aula particular e não consegui entender isso. Foi ridiculo, era pura tensão. Claro que nao iria ter match assim, como previsto recebi um e-mail dizendo que meu app era otimo que eu tinha tudo que eles precisavam, MASSSS que existia uma barreira na linguagem, faltou pouco para dizer minha queridaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa vamos estudar?!

Diantes destes pontos, uma lição fica. A primeira impressão é a que fica, não jeitinho brasileiro que solucione a pegada. É lei de oferta e demanda, eles nunca estão entrevistando uma só, existem muitas na fila.

Eu descobri que o fato de marcar e ficar esperando por ligação me deixava doidinha da silvaaaaa

 

Com isso minha mãe super me ajudou, comecei a buscar alternativas para o nervosismo, tomava chá de erva cidreira, ficava com uma massinha na mão, treinava mil vezes as possiveis perguntas, assistia video de comédia para descontrair e por último rezava com muita fé.

Tanto que a familia que eu fechei me ligou sem eu estar esperando, e a conversa fluiu muito bem.

Essa tensão era a minha principal dificuldade, o ano passado eu ajudei a amiga da minha host a selecionar uma au pair. Divulguei em grupos e de au pair a vaga e vi alguns app’s com ela.

Foi muito bom estar do outro lado da cadeira e ter a visão deles, no final ela fechou com uma colombiana porque a filha mais velha dela estava aprendendo a língua. Assistindo as entrevistas vi alguns erros que são bestas mas fatidicos.  A familia era uma otima escolha, duas kids e 6 e 8, muito educadas (eu sei porque faço playdates), carro só da au pair (24 horas), celular, não tem curfew e final de semana livre. Um sonho de consumo  de muita au pair, eu vi só as entrevistas com as brasileiras, para ajudar e explicar depois.

Eram três meninas:

A primeira conseguiu se comunicar bem, mas a host achou que ela não tinha muito critério, já disse que amou a HF de cara, que se precisasse ela limparia a casa inteira no horario livre, não fez nenhuma pergunta mesmo a host falando questionando se ela tinha dúvidas (eu já teria várias), tudo que a host perguntava era sim, querem um exemplo.

HF_Você sabe cozinhar..

Futura Au pair_Sim muito bem e para familia inteira

HF_Me da um exemplo de jantar para as meninas

Futura Au pair_Hummmmmmmmmmmmmmmm (longo viu)

HF_Pode ser comida brasileira, eu conheço e tem alguem aqui que conhece (EU, nao dava para me ver)

Futura Au pair_PICANHA ahhhhhhhh na grelha…

Na hora eu ri, sabia que não podia massssss Joséeeeeeeee, Joséeeeeeeeeee, PICANHA?! Poderia falar arroz, feijão, bife, batata frita, ahhhhh sei lá…. Mas picanha é comum você fazer de jantar para duas garotinhas?!

Eu contornei a situação quando ela desligou e  disse que ri do sotaque, mas ela nem pediu minha opinião disse que a menina estava querendo por desespero, não por afinidade.

A segunda quando entrou online, a chamada estava horrivel, microfone ruim, ligação pessima. Falaram que ligariam depois, mentira riscaram o nome na hora.

A terceira foi muito bem, de dar inveja, pensei comigo: a BIXA é luxuosa se eu tivesse feito igual não teria sofrido tanto. Ela tinha um caderno , anotava tudo, fazia questões inteligentes e por fim disse se poderia mandar um e-mail com as que ela tinha esquecido e eu até achei que ia rolar com ela. Ela foi uma das finalistas como diz minha host, mas a outra levou por causa o espanhol.

Meninas olhando tudo isso com calma, o que fica é que sofremos de bobeira… Se nos preparamos com calma, nos atentando a todos os detalhes até os imperceptiveis, maninaaaaaaaa tá amarrado!

Eu acredito que não existe coincidência, que quando é para ser não adianta fugir, massssss nós podemos dar uma forcinha, agilizar as coisas, otimizar o tempo e não atacar unhas e geladeiras.

Leia com atenção as dicas da APIA sobre o assunto, procure em sites e blogs por possiveis perguntas (se você não conseguir fazer), tambem não vão fazer um milhão de perguntas (o caminho do meio please), teste todos os meios de comunicação, tenha certeza do que você quer  e passe isso. Uma dica que minha amiga deu esses dias, é vocês se atentarem a profissão, ao trabalho dos futuros hosts, porque isso diz muito sobre a pessoa, por exemplo se ela for contadora costuma  ser direta objetiva sem muitos rodeios, se for psicologa vai te analisar e assim por diante. Assim já é mais um trunfo para saber como lidar….

Calma que isso é só uma entrevista, a primeira impressão é a que fica.

Com vocês…

Um beijo, um cheiro e um queijo.

 

 

 

8 comments

4 dez 2012

Comida! engordar ou emagrecer?!

Categoria: Au Pair is..., Cultura, Dicas, Saúde e Bem-estar

Por:

Bebida é água!
Comida é pasto!
Você tem sede de que?
Você tem fome de que?…

A gente não quer só comida
A gente quer comida
Diversão e arte
A gente não quer só comida
A gente quer saída
Para qualquer parte…

Calma calma, eu sei que quando os Titãs cantavam essa música o intuito era um protesto, mas se for levada ao pé da letra uma gordinha (como a que vos fala) cantando seria no minimo uma baixaria rsrrs.

O post de hoje é sobre a polêmica de que: “Estados Unidos engorda!”. Ninguem sabe o quanto isso é veridico, o fato é que aqui o que reina é o famoso fast food,  sendo assim comidas engordativas se tornam a cultura deste país.

O que temos de concreto, é que a maioria das meninas engordam, sim a maioria! No inicio muitas perdem peso por não se adaptarem com a comida, mas depois o famoso snack de cada dia vai se tornando uma coisa gostosinha que mata a nossa ansiedade. Sem contar que tudo vem em tamanho grandes, quase em todos os restaurantes o refrigerante é refil, ou seja a galera toma um litro sem se dar conta. Se uma barra de chocolate esta um dolar, duas vão estar um dolar e vinte centavos. Sim saimos achando que fizemos um negocio da china, mas na verdade fizemos mais um culote para carinhosamente chamarmos MEU.

Vira e mexe esse assunto entra na roda, mulher é um bixo complicado pode estar no peso ideal que sempre vai falar: “hummm estou bem mas posso perder mais uns 2kl fico melhor”. Nunca estamos satisfeitas, sempre tem o que fazer e o que melhorar. Aqui então a coisa vem na velocidae 10 do creu.

Como eu disse anteriormente, o babado de engordar aqui não é lenda urbana…. Sim minha gente acontece, já tive que consolar amigas aos prantos rsrsrrsrs. A amiga da minha host estava aqui semana passada, e nós conversamos sobre o assunto, ela é médica e também é nutricionista. Fazendo aquele resumo esperto que eu sempre tento e nunca consigo, vamos lá:

Segundo ela aqui nos EUA, a maioria dos alimentos não são frescos como nos outros países, o açucar por exemplo não vem da cana como o nosso, e não adoça como o nosso, precisa de uma quantidade bem maior para chegar perto do sabor do outro, o sal também é uma patifaria minhas queridas, você joga joga joga e a coisa não pega na comida de maneira especie alguma. Não rola um temperinho esperto que nem no Brasil, ou fica sem sal ou eles colocam pimenta, eu fico passadaaaaaaaaaaaaaa!

Sem contar que ela disse que alguns agrotóxicos que são usados aqui, não são permitidos em outros países, ai meu bem sabe o que eu lembrei, que aqui em casa o morango e outras frutas e legumes demoram horroresssssss para estragar, sei lá ou eu to ficando louca ou que eu saiba uma caixinha de morango dura no maximoooooo uma semana, aqui pessoas dura uns vinte dias. Uma patifaria, outro dia fui pegar o morango de dias  na geladeira e experimentei, e não é que o cretino estava doce! Morri! Minha amiga fez o mesmo na casa dela, e me ligou dizendo: _Naiara essa fruta não é de deus…

Ou seja ela disse que baseada em todos esses fatos ela acredita que tudo isso interfira no metabolismos das pessoas, e aquela que não engordava nem comendo ceia de natal no almoço e prato de pedreiro na janta, começa a sentir os efeitos. Babado não é?! Pode começar a ter o ataque cardiaco agora que eu libero.

As vezes tem tanta coisa para fazer que não sobra tempo para academia, você quer sair e conversar com as suas amigas e acaba fazendo isso ao redor de uma mesa. Depois de um tempo você descobre uns pratos deliciosos, umas sobremesas que com certeza possuem veneno de tão absurdas de gostosas que são. Um exemplo é o sacana do cheescake, tem um restaurante aqui que se chama “Cheescake Factory”, tem gente que não gosta, eu simplimente amo tudo lá, nunca passei mal, tenho até minha massa favorita, e as sobremesaaaaaaaaaaaa ahhhhhhhh, mas o doce mais cretino tem no minimo 900 calorias, dá para segurar uma coisa dessas?! Não minha gente não dá, é para ter ataque de pelanca, cardiaco e de catapora tudo junto.

Bandido!

Bandido, a razão da minha insanidade engordativa!

Massssssssssss, (tudo tem um mas) eu fui Exceções à regra,  fui uma delas…. Sambando na cara da sociedade gordurenta, brincadeiras à parte. Quando eu vim eu estava a ansiedade em forma gente, eu não comia para viver, eu vivia para comer. Tanto que vários falaram que eu ia voltar rolando para o Brasil, era tanta piada que nem gosto de lembrar.

Eu logo no inicio emagreci como todas, a comida não ia… Na primeira familia a host era brasileira, rolava um arroz e feijão, quando eu cheguei nessa casa ai sim a vaca foi para brejo e levou o pasto inteirinho junto. Mas aos poucos foi rolando, e eles provaram a comida brazuca e simplismente amaram, tanto que faz parte das compras o mês. Minha menina é alergica a glúten, ou seja não entra em casa e eu não costumo comer. Eu tento economizar não saindo para comer fora (isso gasta um dinheiro danado), e fui diminuindo a comida… ah na verdade eu não segui dieta e não sei ao certo onde foi que eu eliminei os 16 kl.

 

 Quando eu vejo as fotos antigas nem eu acredito, tudo que eu emagreci é praticamente uma gestação uma criança que saiu ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh, loucura loucura loucuraaaaaaaa!

O que eu sei é que é possivel se policiar e tentar ter uma alimentação saudavel, logico eu sinto muita falta da comida do Brasil, mesmo tendo alguns produtos não é a mesma coisa. E na real depois de ter passado vinte dias no Brasil descobri que ele me engorda, e posso confessar um babado, esse é um dos meus maiores medos na volta, ENGORDAR! Muitchoooooo ahhhhhhhhh, to batendo mão, a cabeça e a barriga que eu ainda quero eliminar na madeira.

Quando eu vim eu estava quase na gordura mormida, quase não! Estava joselita. Agora faltam uns 10kl, para chegar no peso normal no aceitavel, do jeito que estou esta muito masss muito melhor do que antes, mas da para caprichar e  voltar com a cara da riqueza, magerrimaaaaaa e luxuosa rsrrsrs. Pode chamar o médico que agora eu sei que surtei.

O que eu sei meninas, é que a ansiedade que vem no inicio do processo não sai assim de uma hora para outra, ela as vezes vem junto com uma homesick, e juro a comida vai te aliviar  por algum tempo mas não leva embora. Resolva isso de outra forma, saia com a s suas amigas e procure passeios que não sejam novas degustações. Conversem com as suas HF’s se não estiverem se sentindo bem com a alimentação. Aqui em casa eu pedi para comprarem um pratinho congelado na hora do almoço. Alimentação é super importante, não sei vocês  mas como boa gordinha adoro me deliciar com um prato verdadeiramente gostoso. Mas aprendi, com moderação.

 

Nos ultimos tempos alguns que eu nunca imaginei na minha vida me olharam, me notaram e por fim me falaram. Um deles um amigo chegou a recortar a foto do meio que aparece lá na foto de fundo roxo, a do colar gigante. Pois é ele me mandou a foto por inbox no facebook falando isso:

“Já te achava estilosa e  bonitinha sendo fofinha. Sempre foi muito inteligênte, mesmo falando pelos cotovelos. É com um enorme prazer que digo que a senhorita está inacreditável. Não sou um grande fã das terras que você se encontra, entretanto tenho que dizer que ela te fez um bem que eu gostaria de ser digno de apreciar pessoalmente, portanto quando voltar o bar vai nos aguardar com as saudosas e divertidas conversas. Você esta linda!

ps: cortei a foto e mandei para…… e trocamos vários e-mails admirando o seu sorriso. “

Preciso falar alguma coisa?! Não! Esse meu amigo é lindo e o que ele mandou o e-mail é uma paixão platonica, fiquei com caimbra na boca de tanto que eu sorri. O negocio é que seja lá o que eu estou fazendo eu vou continuar rsrsrrsr, porque isso faz um bem para o ego que vocês não tem ideia.

E para finalizar a frase maxima de uma amiga querida que me conhece desde que criança, que faz parte da minha familia e o melhor  divide avó carinhosamente comigo (a Nana).

_ Ná seu lado mulherão falava inglês e você não sabia!

Minhas queridas campanha, levantamento de babys, corrida de carrinhos no parquinho e tudo que for para deixar o corpinho em forma.

Depois dessa,

Um beijo, um cheiro e um queijo (branco que não tem gordura).

 

18 comments

22 nov 2012

Happy Thanksgiving!!!

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Cultura

Por:

Feliz dia de Ação de Graças!

 

Feriado mais norte americano que esse, não existe. Para aquelas que como eu são doidas pelo seriado Friends, esse ai está na ponta da língua.

Minha Host Family com feriados é super de boa, coisa que me deixa MUITO FELIZ,  não é fácil ter quatro kids, sendo um deles um baby (lindoooooo baby magia! diga-se de passagem), mas eles são muito bons por outro lado. Como por exemplo me dando praticamente todos os feriados off’s, ou seja eu tenho lá minhas vantagens né BIXA DOIDAAA!

Ano passado, como eu sabia que teria os quatro dias, pedi para minha querida (host mom) me liberar, pessoas a sessão da tarde e o Friends já tinham me  colocado a par do babado, eu estava querendo colocar os meus lindos pezinhos na estrada. Foi ai que eu fiz uma das melhores viagens, o rumo foi Boston com uma das melhores pessoas que eu conheci nessas bandas a gata garota: Ana Carolina Tridico (assunto para outro Post).

Pois lá tivemos o nosso Black Friday, foi bom só no outro dia e o taxista da Somalia que nos disse que não comemorava Thanksgiving, porque ele disse que esse era um feriado hipocrita uma vez que  os índios deram suas terras por livre e espontânea pressão. Um fato a se pensar, mas sinceramente não sei muito sobre o assunto, o que sei é que realmente rola um lado obscuro sobre essa história, que com certeza deve ser levado em consideração, mas minha gente tem tantos lados obscuros na historia do meu queridissimo país Sr. Brasil que eu prefiro me preocupar com as bandas de lá do que  as de cá.

Pois bem este ano eu quis esquecer que eu era Au pair, eu fui dar uma de antropóloga e fui viver a experiência  do dia de ação de graças junto com a minha HF, com direito ao famoso peru (hummm yummmmmy) e todos os pratos típicos. PrazAmigas, meninaaaaa a pobreza tá me abraçando e cantanto: _Vem neném, neném vem neném neném vem neném neném vem. Não curtia isso ai, nem quando era sucesso imagina agora rrsrrs, estou dando um fora sensacional mas ela não se liga, Vaza! Bixa pobre nem aqui nem na China rsrrsrs. Por este motivo não cai no mundo.

Mas voltando a colocar glamour na história, acabei de sair da casa da mãe da minha host, meu mais americana e tradicionalista que ela é impossível, ela é uma amor de pessoa, mas quando você vê filmes e imagina uma perfeita casa americana é lá. A mesa, tudo cada lugar tem seu nome, ela é super organizada cada feriado a casa é enfeitada de acordo com o tema. Hoje tinha tanto tanto tanto peru, que faltou pouco para não soltar um glu glu rsrrs. E todos foram uns queridos, fiz brigadeiro e beijinho para dar um apoio moral e mostrar que a nossa culinaria dá um banhoooo.

Esse feriado pode ter começado por cristões, mas hoje o tema não é mais esse, e como eu não sou da mesma religião da minha HF, foi muito bom passar isso com eles. Acho que hoje o dia vai mais além, tem feriados que tornam o significado além do que a religião em si, como por exemplo o dia do perdão o Yom Kippur da religião judaica (dia esse que eu só conheci aqui), ahh procura lá minha gente, sendo básica é o dia de deixar o coração livre e perdoar tudo até o que for mais dificil.

Assim eu vejo esse dia, o dia de agradecer!

Esse sentimento por mais nobre que seja, ás vezes é complicado e se entender e de se colocar em prática, é muito fácil apontar o dedo e dizer que fulano ou ciclano não é grato, nossaaaaaaaaa as pessoas adoram fazer isso. Mas acontece que pela nobresa do tal assunto, também é dificil de ser sincero com relação a isso, as vezes passa despercebido, e geralmente os que apontam são os que mais erraram. Mas acredito que é muitoooooooo bom ter um dia para se refletir, e pensar que por mais duro que as coisas sejam sempre existem motivos para agradecer.

Hoje particulamente, além dos agradecimentos triviais, nesse post quero agradecer pela oportunidade que me bateu na minha porta há um ano, quatro meses e quatro dias. Sim ser au apair foi uma das mais duras experiências, mas a sua rigidez venho acompanhada de momentos que moldaram a minha vida para sempre. Falta só algum tempo para tocar o apito final, acho até que pelo andar das coisas vai ter prorrogação e pênaltis, calma minha gente não vou mudar visto e ficar aqui alem de dois anos, pelo contrário, não vou completar o segundo ano, mas vou ficar um pouquinho alem do que estava me planejando. Resumo da ópera, hoje quero ser bem sincera e de todo meu coração dizer:

MUITO OBRIGADA, MUITISSIMO OBRIGADA!

Por todos aqueles que fizeram e ainda vão fazer parte da minha jornada… Um singelo sorriso, fez um diferença enormeeeeeeeee.

Agora hora da soneca, que  a noite o bixo vai pegar Black Friday Here I go again!

 

Um beijo, um cheiro e um peruuuuuuu!

 

 

 

6 comments

19 nov 2012

Voltei!!! Sim sim sim

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Dicas, Dinheiro, ferias

Por:

Oi meninassssssss, tudo bem sei que a galera vai soltar um NOSSAAAAAAA!!! Ela está viva?!

Yes, I do!

Tudo tudo aconteceu desde o último post. Senta que lá vem a história

Minhas tão sonhadas férias, sim aquelas que eu tinha em vista desde quando vim como au pair, se concretizou, o velho mundo eu VI! Sim fui zoropiar, para as normais fui para europa.

Soltei um sonoro chora Kate (Middleton), HOJE A RAINHA SOU EU! Eu sou PHINA bem…

Uma gata! adoroooooooooo

Uma gata! adoroooooooooo

Foi a melhor  trip que eu já fiz na minha vida, mas quando se trata de Naiara, as coisas nunca saem como o planejado e o inesperado sempre acontece. Algumas vezes pelo lado bom e outros pelo lado ruim, vou escrever (JURO QUE NÃO É PROMESSA DE POLITICO) um post detalhando tudo. E nessa vida ainda escrevo um livro, para ver se para com tantos acontecimentos.

Neste momento o que posso dizer é que fui furtada um dia antes de voltar para a casa em Roma,  fiquei sem um tustão furado (pelado pelao nú com a mão no bolso), tudo de bom e de RUIM aconteceu, fiquei doente (muito mesmo), vi quem eram minhas amigas, conheci novos amigos, vi que laço sangüíneo não significa nada e por fim que mais uma vez minha heroína a que segura minha vida Minha Mamis é uma das coisas mais preciosas da minha vida e sempre vai ser. Mas isso eu conto depois, pode ser?!

Mas fica a dica: É muito mais fácil ir para Europa saindo do USA e tendo a nossa bolsa como Au Pair, do que ir do BR. Para aquelas que querem conhecer o glamour de Paris e as belezas do Império Romano, tenham foco e façam isso no primeiro ano sem precisar renovar visto. California, disney e outros até algumas ilhas do Caribe e México você pode conhecer se decidir ficar mais de um ano, no próximo. Pessoas isso é só uma dica, ok?! Cada um com seu sonho  e desejo de conhecimento.

Alem da trip com final de novela, curso, ficar super doente, fuso horário trocado ainda teve a nossa querida Sandy, que veio com força total nas terras do Tio San. Minha localidade não teve tantos problemas, mas confesso que foi insuportável ficar cinco dias sem energia.

Tudo isso só para dizer, desculpasssssssss foi por isso que eu nunca mais surgi nessas bandas, imaginem a cara de cachorro sem dono e com fome Hummmmm

Mas eu voltei, agora para ficar. Por tempo determinável, mas revigorada e pronta para contar tudo…

Eu li, no ultimo post eu falei de malas.

Achei a listinha que eu me basei lendo vários blogs, foi super nostálgico porque esta na minha caixa de memorias toda amassada… mas ai vai os iténs:

Mala Grande (despachada)

*KIT BANHEIRO: banheiro: Escova de dente, pasta de dente, fio dental, sabonete para o corpo, sabonete íntimo, creme para o corpo, creme para mão, perfume, shampo, condicionador, creme específico para escova, reparador de pontas, arquinhos, lacinhos, prendedores em geral, escova para o cabelo e por fim um pente.

(acho que aqui eu pequei no tamanho do shampo e do condicionador muito grande, ahhh e esqueci de comprar minha progressiva  e minha mãe teve que mandar pelo correio, vejam bem é melhor trazer o que da para se virar de duas a três semanas, se trouxer pouco vai faltar e se trouxer muito é espaço gasto de bobeira)

 

*KIT UNHA: oito esmaltes (dos mais claros aos vermelhos que eu adorooo), dois alicates bem amolados, cortador de unha,  palitos, lixa de mão e de pé, removedor, oléo de banana, extra brilho, oleo secante e um pacotinho pequeno de algodão.

(aqui eu traria mais esmaltes, aqueles separadores de dedo para o pé e mais um alicate)

*KIT RÉMEDIO: Eu não vou citar remédios   porque vou falar de marcas, cada uma sabe onde o calo aperta, portanto sejam espertas e tragam o que sabem que na hora do sufoco vai sair correndo em casa para tomar, demora um tempo até saber extamente o que comprar na farmacia. O que posso dizer é que veio antiflamatórios, pó de guaraná, própolis e mais algumas coissa do dia dia

(deveria ter me atentando mais a pequenos detalhes, como dores de cabeça na madrugada)

Roupas:

*5 calças leggins (pra que tudo isso Naiara, é o que penso hoje)

*2 calças jeans, uma clara e outra mais escura para sair (ok!)

*2 vestidos (amo vestidos, só fiquei com esses dois dei todos os outros)

*2 shorts

*5 blusinhas para trabalhar (ok!)

* 5 blusinhas para sair, incluindo camisas xadrez (tem duas que nunca usei aqui)

*1 casaco de frio (eu vim no verão)

*10 calcinhas (pode trazer sem dor no coração não curto as calcinhas daqui)

*4 sutiãs (minha comissão de frente é bem grande, além a conta!!! Mas aqui achei sutiãs maravilhosos)

* 4 pijamas (porque joselita, porque?! O melhor é dois)

* 4 chinelos (adoroooooooo)

*2 Biquinis

*1 Maiô (estilo academia de shortinho, mas era de natação mesmo para entrar na piscina com as kids, sem ninguem me olhando)

*1 caixa com todas as minhas bijus

*2 cangas

*8 pares de meia (tambem não entendi tudo isso?!)

*Presentes de amigas como ursinho, cartas….

*2 rasteirinhas

*1 sapatilha

*1 bota

*1 tênis

*Presentes de todo mundoooooo

 

*KIT ESTUDO: meus livros mais importantes de inglês, dicionário, caderno e alguns livros menores

Tudo isso não deu nem 19Kl.

Na mala e mão:

Levei todos os meus documentos e dinheiro em uma pastinha na bolsa normal,  na mala de mão três mudas de roupa, duas rasteirinhas, livro, remédio e uma bolsinha com coisas que iria usar  (como escova de dente, pasta de dente e afins) mas tudo como kit viagem com embalagens de 100ml, toda minha maquiagem foi na mala de mão, algumas bijus, um chinelo e uma rasteirinha. Lembrando que no hotel tem sabote, shampo, condicionador e até creme para o corpo. Se você for desencanada nem liga.

Como prometido, fiz uma pesquisa com as meninas que vieram, no inverno. Em suma elas disseram que a melhor opção é trazer o casaco mais quente que você tiver no Brasil, se não houver essa possibilidade uma delas a minha queridissima Tayce que é de Fortaleza  e não tinha todo esse contato com frio, disse que o melhor é você garimpar muito mas muito mesmo, ela comprou um casaco por R$60,0 e foi com esse que ela veio e se virou.

Logico que é necessário, que venham com  cachecol, tocas, luvas, blusas de mangas longas e moletons potentes. Traga uma grana extra para fazer a compra de roupas de frio na primeria oportunidade. Pois será necessário, mas todas foram unânimes em dizer que: Não comprem casacos no Brasil, é uma fortuna desnecassária…

É isso minha gente… não percam as cenas dos próximos capitulos…

Como sempre um beijo , um cheiro e um queijo!!!

6 comments