30 dez 2012

5 dicas pra ter uma Happy New Year’s Eve!!

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Cultura, Dicas, ferias, Viagens e Passeios

Por:

Hello girls,

Passado o Natal, delícia estar com a família, mesmo que não seja nossa família original, a host family dá um jeito de fazer você se sentir em casa e entrar nesse clima gostoso… vem a preocupação e a ansiedade do que fazer na véspera de Ano Novo…

Vc quer que seja especial (também gostaria que fosse assim se estivesse no Brasil…claro!) então é hora de planejar o que fazer…

Muitas famílias não planejam festas de ano novo, dependendo da religião deles, nem pensam nisso, pois não faz parte das celebrações da família, portanto vc corre o risco de passar a `virada` vendo o Show da Virada na Globo se sua casa tiver Tv a Cabo com a Globo ou ver pela net… não é o que vc planejou pro seu início de 2013 né? Convenhamos…

Virada no Columbus Circle, em frente ao Central Park, em NY

Por isso vim aqui sugerir coisinhas pra fazer no Ano Novo… =) sempre há uma solução…

#1 converse com suas amigas, provavelmente elas estão na mesma situação que vc e procuram algo legal pra fazer com outras pessoas, unam-se e façam um reveillon super animado, e se misturar nacionalidades fica ainda mais interessante… marquem de ir num restaurante, barzinho ou balada juntas, conte suas experiências e simpatias que fazemos no Brasil pro Ano Novo ser bom e etc..e pergunte como é comemorado o reveillon nos países das suas amigas…

#2 se vc não tiver muitas ou nenhuma amiga, peça para a sua Counselor dicas de onde ir ou se ela poderia organizar uma pequena festa para as meninas que não tem o que fazer ou onde ir… com certeza muita gente se vê sem opções de que fazer, não conhece muita gente, principalmente se for recem chegada, e a counselor reunindo as meninas na mesma situação que vc, vai ajudar a realizar uma festa legal e criar muitas novas amizades pro ano que se inicia! Não tenha vergonha de pedir ajuda… é pra isso que as Counselors existem!!

#3 se vc tem um paquera, diga que quer passar a virada: the “New Year´s Eve” com ele e não abre mão desse momento com ele… assim vc embarca na festa onde ele vai…de repente conhece a família dele e os amigos, de repente vira a namorada… os americanos tem um certo costume de beijar alguém na virada do ano… tem a superstição de que se não beijarem o ano será ruim pro amor..então é a oportunidade de estar perto do seu pretendente e lascar aquele beijo na meia noite… ainda mais se ele estiver te enrolando, neste dia não tem desculpa..vc ataca e nem será mal interpretada, muito pelo contrário, ele vai adorar!!

#4 viaje com alguém, há muito lugares que tem grandes festas públicas pro Ano Novo, principalmente as capitais… se vc mora em alguma cidade pequena, num condado, procure saber qual a cidade grande mais próxima ou a capital do estado em que vc mora e com certeza haverá um grande festa, não como a de Nova Iorque, famosíssima no mundo todo, mas com certeza divertida, só depende de vc!

#5 Nova Iorque é sempre uma boa opção.. fui pra lá na virada de 2011/2012 e foi muito legal… mas não passei na famosa Times Square… NÃO vá pra Times Square para ver a famosa Ball Drop se vc odeia multidão, se tem vontade de fazer xixi frequentemente, se tem muita sede, se não tem muitaaa paciência e uma companhia divertida que faça a espera ser agradável… é um pesadelo para algumas pessoas pois eles fecham a Times a tarde e ninguém entra, ninguém sai…ninguém se move, se mover, perde o lugar..ou seja, é quase que torturante… e vc não quer que seu ano novo comece sendo um caos.. tem briga, empurra empurra, como em qualquer aglomerado no Brasil…pois eh.. ainda bem que me avisaram antes… assim como eu estou lhes avisando e eu não precisei passar nenhum aperto e tive um ano novo em Nova Iorque muito agradável no Columbus Circle, em frente ao Central Park =)

Times Square sendo fechada pra comemoração

Bom, queridas, é isso..essas são algumas dicas e ideias pra não ficar chupando o dedo na véspera de Ano Novo, pois todas merecemos passar esta data de maneira especial, seja como for… =)

E aqui vai uma mensagem que preparei para meus amigos, e como tenho vcs como amigas, quero compartilhar com vocês…

Um super beijo e meus melhores votos de um 2013 cheio de alegrias e realizações, onde que vcs estejam!!

 

2 comments

29 set 2012

Fire Station = Muita Diversão!

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Cultura, Dicas, Viagens e Passeios

Por:

20.09.11 Firestation (3)

Hello girls!

Tudo bem?

Quero dar uma dica de algo legal para fazer nesta época de outono, quando tá meio friozinho e não temos mais aquele pique, nem as piscinas, nem os Camp Vacations para entreter nossos pequenos Host Kids…

Na região onde eu morei, em Washington DC, a capital, tinha muitas estações de Bombeiros e eles sempre faziam atividades, cursos, palestras para jovens que queriam ser voluntários ou para crianças que tinham curiosidade sobre esta importante profissão ou porque queriam ser bombeiros quando crescessem.

Os americanos desde pequenos são educados e encorajados a ajudar o próximo, a ser herói ou coisa assim, por isso mesmo muitos jovens querem seguir a carreira militar, e vc vai saber distinguir um militar há quilômetros, pois eles tem um corte de cabelo, jeito de falar, vestir e andar que se destaca na multidão… viu um mocinho de cabeça raspada na maquininha Zero, pode apostar que o cara é militar…

Bom, mas vou falar dos Bombeiross, pois além de nos ajudar nos apuros com fogo ou outros perigos da vida, eles também auxilima a passar umas horas agradáveis, divertidas e bem didáticas para nós e nossas kids.

Geralmente eles tem horários de visitação para crianças nas estações, palestras, cursinhos, bate-papo com as crianças, treinamentos, dão brindes e cartilhas que ensinam cuidados básicos em caso de incêndios e muito mais!!!

20.09.11 Firestation (4)

Fica aí minha dica de levar as kids para visitar as estações de Bombeiros, é uma atividade cheia de informação útil para nós e para as kids.

Os pais vão ficar felizes por vc ter levado as kids para um passeio didático como esse e orgulhosos dos pequenos quando eles voltarem tentando ensinar aos pais o que aprenderam na visita =)

20.09.11 Firestation (1)Beijos e boa diversão com um dia nos Bombeiros!!!

No comments

17 set 2012

Playground = Parquinhos

Categoria: Atividades, Dicas, Viagens e Passeios

Por:

O outono chega logo mais nos EUA e as crianças já começam a animar-se com a ideia do inverno, da neve, mas também ficam tristes porque o verão acabou, e com ele the Summer vacations também acabaram… é hora de por em prática atividades de meia-estação, que é como chamamos a primavera e o outono…

Parques são ótimas opções de lazer para as kids…elas podem correr, brincar na areia, na água e em parquinhos, os Playgrounds, pois eles estão por toda a parte (pelo menos na região de Washington DC, onde morei, todas as escolas tinham um parque anexo, e neste parque sempre haviam quadras, campos e parquinhos infantis.

4.11.11 Fall (15)

Minhas kids eram já meio grandinhas mas amavam ir aos playgrounds… após sairem da escola, pedim apar ficar um pouco no parquinho, as meninas sempre criavam um ambiente, uma escola, uma casinha nos parques…o menor, Nate, de 5 anos amava subir nos brinquedos e se divertia sozinho… eu não podia brincar com ele nos brinquedos porque eu sou giganta e não cabia, e também respeito as plaquinhas de classificação de idade, mas que dava vontade de experimentar aqueles playgrounds dos EUA, dava, porque eles são muito coloridos, bonitos e parecem muito divertidos!

4.11.11 Fall (17)

A imaginação das crianças voa nos playgrounds pois eles ajudam a criança criar um ambiente de aventura, descoberta, interação, respeito ao ambiente que tem que ser dividido com outras crianças, além de requerer atividade física delas, sendo super saudável a movimentação, o exercício feito ali, além de ser uma atividade ao ar livre.

O outono é bom porque a temperatura está amena e a gente não fica suando como no verão, então é bem mais agrdável sair pra rua,pra parques com as kids do que em outras épocas.

4.11.11 Fall (14)

Por isso, aproveite muitooooooooo o outono para fazer atividades Outdoors…os pais amam, porque as kids gostam de um videogame  tv mas os pais odeiam (alguns, que sabem o que é melhor pros filhos…outros nem ligam e deixam as kids ficfar só na tv o dia todo porque não querem ter trabalho com elas)… mas como minhas Hostmothers não gostavam que minhas kids vissem Tv ou videogame, eu tinha que abusar da criatividade e levar as criançada pra se mexer!

Corra prum parque e prepare-se para muita diversão nesse clima agradável do outono!

3 comments

3 set 2012

Meu primeiro Brazilian Day

Categoria: Viagens e Passeios

Por:

526119_322971364465362_677131660_n

Vou contar um pouquinho sobre minha experiência no último Brazilian Day, realizado no último domingo (02), em New York. Pouquinho pois eu trabalho aos domingos a noite e não deu pra ficar até o final. O que vi, porém, me divertiu bastante.

Bom, como já é tradição, sábado aconteceu a ‘Lavagem da Rua 46′ e ontem verdes e amarelos se reuniram na Avenida das Américas (6th Avenue) para celebrar o dia do Brasil.

As atrações principais foram Latino e a dupla sertaneja Jorge e Mateus, mas o evento também contou com Serginho Groisman, que fez gravações para o ‘Altas Horas’, incluindo uma homenagem ao lutador Anderson Silva.

Fui com um grupo de 6 meninas: 5 brasileiras e uma coreana que PIROU no gingado que nós temos (e tinha outro jeito de ser?). Chegamos no Port Authority Bus Terminal (8th Av e 42th St) já era quase meio dia e já esperávamos pelo pior, já que ficamos traumatizadas depois do Reveillón na Times Square (tudo bloqueado, caos etc).

Para nossa surpresa e alegria, encontramos uma Manhattan tranquila e organizada. Várias barraquinhas vendendo camisetas piratas da Seleção Brasileira de Futebol, mas nada de comidinhas típicas, o que me deixou um tantinho decepcionada. Vi uma barraquinha vendendo pastel de queijo por $5 e achei um absurdo. Melhor esperar e comer um bem fresquinho na feira do bairro.

A Globo Internacional, uma das principais patrocinadoras da festa, marcou presença forte, distribuindo brindes e garantindo a cobertura do evento. Distribuíram o novo CD da dupla Jorge e Mateus, além de DVD’s.

O Banco do Brasil distribuiu camisetas, a polícia de NY distribuiu segurança e os brasileiros distribuíram alegria, sorrisos e muita energia boa.

Não encontramos tumulto, apesar de chegarmos tarde (quase na hora do início do evento), ficamos na fila e ficamos em lugares super legais pertinho do palco.

O comecinho foi bem chato por causa da longa espera e anúncios de patrocinadores. Tinha um DJ que até tentou levantar os ânimos, mas estava bem difícil.

Quase 2h00 p.m, Latino entra no palco e faz um show de quase duas horas, recheado de hits e música para balançar a buzanfa. Não sou fã do cantor, só conheço a música ‘Me Leva’, de duzentos anos atrás, mas me diverti e me diverti…Todo mundo pulando, e dançando. Ele incluiu diversos covers no setlist, então deu pra cantarolar algumas coisas.

Ele rebolou, atacou de D.J, para relembrar os tempos em que viveu e trabalhou aqui nos EUA e chorou ao contar sobre sua experiência no país e ao agradecer ao seu ‘pai’ norte-americano, a quem, pelo jeito, guarda muito carinho e respeito. Ah, e não faltou a Dança do Kuduro…

DSC_0228

Oh baby me levaaa.... (Foto: Rachel Nishioka)

DSC_0251

Latino cantou vários de seus hits (Foto: Rachel Nishioka)

Pulou tanto que teve que tirar o colete no final do show (Foto: Rachel Nishioka)

Pulou tanto que teve que tirar o colete no final do show (Foto: Rachel Nishioka)

Depois foi a vez do sertanejo, mas daí eu já tinha ido embora. Tinha q voltar pros meus ‘filhos’ loiros aqui.

O tempo colaborou muito, não estava muito calor e até ameaçou um pouquinho de chuva.

Se você ainda não conferiu essa grande festa e pretende participar do próximo ano, vá mesmo…Eu achei bem organizado e é uma boa oportunidade para ter diversão com os amigos (mesmo que não sejam brasileiros) e matar um pouquinho de saudades lá da nossa casa.

Espero que gostem das fotinhos!

Beijos

No comments

18 ago 2012

Dirigir nos EUA. Medos e Dicas

Categoria: Au Pair is..., Medo, Viagens e Passeios

Por:

Trânsito em Georgetown

Trânsito em Georgetown

Um dos meus maiores medos de ir para os Estados Unidos era o de dirigir. Eu dirigia pouco em minha pequena cidade, Itatiba/SP e ficava me imaginando dirigindo nas famosas “highways” dos EUA. OMG! Que medo me dava!

Chegando lá, fiquei responsável por uma minivan Sienna, da Toyota (minha marca preferida de carros, e tbm dos americanos pq tem mtoooo Toyota por lá) um carro E-N-O-R-M-E… que cabe 7 passageiros, mas pra minha família que tinha 7 pessoas contando comigo, quase que ficava pequeno quando todos estavam a bordo.

O medo do carro não foi nada, porque ele era automático, hidráulico, alto, uma delícia para dirigir… aí eu fiquei com medo do trânsito. Ruas estreitas, de duas mãos, carros parados dos dois lados, deixando espaço para um único carro, onde teríamos que parar para deixar o motorista do sentido contrário passar, ai ai…

Mas deu tudo certo… porque os americanos respeitam bastante as leis de trânsito e elas são severas!

Chegando lá você DEVE ler o manual do motorista (Driver’s Handbook) para ficar informada sobre todas as regras, direitos e deveres.

O certo é fazer o cursinho de Alcool e Drogas, a prova escrita e exame prático para tirar a License do estado em que você ficar… mas algumas famílias não exisgem isso e você pode usar sua Permissão Internacional para Dirigir, que vc tira como pré-requisito aqui no Brasil para poder ser Au Pair. Eu vivi lá com a permissão apenas, só se vc for estender aí vc tem que fazer a License, porque a permissão vale apenas para um ano.

Me and my car...

Me and my car...

Leia atentamente o manual e fique atenta a tudo… Lembre-se que o carro não é seu, apesar de estar cedido para vc. O carro é da família e vc deve cuidar dele como se fosse seu, afinal, se vc bater quem vai pagar os custos é vc, mesmo tendo seguro, existe a franquia, como no Brasil e vc terá que tirar do seu salário para pagar essa conta pela qual vc não esperava né? Fora o mico de bater o carro nos States, ficar sem carro por semanas e perder a confiança da sua host family!!! Um Absurdo…

Cuidado também com as multas!! Elas são caras e sua família pode ficar muito brava pelos pontos que eles levam e vc vai ficar triste por ter que arcar com esse gasto, pois eles não perdoam as falhas cometidas por nós. Preste atenção nas placas, nos avisos, nos estacionamentos, que quase sempre são pagos e há determinadas vagas que são especiais e separadas para moradores das ruas apenas…

Tinha que pegar rodovia para ir para a faculdade, mas nunca tive problemas pois as rodovias são bem largas e sinalizadas, e também sempre contei com a ajuda de um maravilhoso GPS… assim que puder adquira seu próprio (pois vai te ajudar em muitasss situações) ou peça para sua família te emprestar um.

Se vc quiser saber sobre as rodovias, sobre regras em geral e trânsito nos EUA, consulte este site, que explica tudo bem detalhado:

http://www.viajanteamador.com/2011/02/dirigindo-nos-estados-unidos.html

Beijos e boas viagens!!

No comments