1 jun 2015

E os presentes?!

Categoria: Atividades, Au Pair is..., Cultura, Dicas, Dinheiro, Medo, Viagens e Passeios

Por:

Se tem uma coisa que deixa a gente preocupada, é ter que dar presente. Claro que quando o presente é pra uma família americana que vai te hospedar por um ano inteiro, essa preocupação se multiplica por mil! Até porque o presente que a gente leva de um país, mostra muito da cultura do local e da personalidade de quem o entrega. Sim meninas, também sofri…

Não me considero uma expert em presentes. Na verdade, sempre fui péssima com presentes, mesmo pra minha própria família, então já podem imaginar meu sufoco. Não sei se consigo ajudar muito, mas farei como no meu último post, compartilho minha experiência e minha opinião depois de vivência-la.

Ah, antes acho importante dizer que minha host family é composta por um casal de parents tradicionais, uma girl de 13 anos, outra girl de 10 e twins boys de 8 anos (sim, tenho 4 kids :o)!

*O que eu trouxe de presente para minha American family:

Host mom: kit natura (sabonete, hidratante), panos de prato patchwork, um porta papel higiênico patchwork também, em forma de filó

Host dad: cachaça artesanal, canivete personalizado da oficina do meu pai no Brasil, 5 cds de MPB

Girls: bolsinhas de couro (quelas feitas de remendo, muito tradicionais em Minas), colares artesanais que comprei numa banquinha hippie da minha cidade

Boys: gibis da turma da mônica em inglês, dois livrinhos sobre o folclore Brasileiro (em português mesmo), um jogo sobre as regiões geográficas do Brasil

Comida como presente coletivo: Pão-de-mel que eu mesma fiz, paçoquinha

Pra minha LCC: um cd de MPB e um pão-de-mel.

*Resultado:

Gente, sério, não gastem muito dinheiro com presentes. De um modo geral eles não precisam de nada, e dificilmente algo será útil ou agradará de verdade. Claro que todos agradeceram e demonstraram empolgação, mas no dia-a-dia a gente sabe o que foi legal e o que não foi.

A minha girl de 10 anos adorou a bolsinha e o colar (porque eram azuis, a sua cor preferida). A hosta gostou dos presentes patchwork, porque ela é toda “artesanal”. O hosto não gostou de nada,

a cachaça ta fechada até agora e quem escuta os cds de música levitra best dosage sou eu. A mais velha não gostou nem desgostou, acho que ficou na zona neutra. Os meninos não deram a menor bola para o meus presentes. Sério, vou levar tudo de volta pra casa quando voltar, os livros e gibis ficaram todos jogados numa prateleira com cialis generique effet as centenas de outros livros que eles já tem.

Das tadalafil naturel comidas eles gostaram, principalmente do pão de mel.

-Minhas Sugestões:

Hoje com mais experiência e ideias, vou dar algumas sugestões do que eu traria de presente (ou trarei, caso vá passar férias no Brasil):

*Cds de MPB (sim, eles não gostaram, mas acho que é um bom presente de qualquer forma. Não tenho culpa que eles não gostem de música).

*Patchwork/artesanato/trabalho manual, chame como quiser. O fato é que frufrus geralmente agradam as mulheres, e é uma forma bacana

de presentear com a cultura local também

*Animais de pelúcia (poderia ser até patchwork). Conhecendo minhas kids como eu conheço agora, sei que eles teriam ficado bem mais felizes em ganhar um bichinho cada, e se fosse de algum animal http://www.cialisgeneriquefr24.com/prix-cialis-20mg-en-pharmacie/ típico do Brasil, seria mais legal ainda

*Vinho brasileiro ou licor de Cassis (pra poder fazer a sobremesa com sorvete de creme e papaia). Gente, sei que é instintivo querer trazer cachaça, afinal, super típico, mas a verdade é que a maioria não gosta. Meu hosto toma vinho toda noite, se eu tivesse trazido um vinho ele teria gostado muito mais. Vivendo e sildenafil pas cher occasion aprendendo né, pode até trazer a cachaça, mas com a promessa de uma caipirinha!

P.s. Muitas meninas não recomendam trazer bebidas, pois pode passar a ideia errada. Eu trouxe, mas nunca tomei uma gota de álcool em casa, mesmo eles oferecendo. Vai muito de cada família, então fiquem espertas. E bebida também pesa na mala, então se fosse hoje eu traria só o licor, pra fazer sobremesa pra todo mundo.

*Mais comidas típicas. Sei lá gente, enfia tapioca no povo, rapadura, pé-de-moleque, pipoca doce… O que conseguir trazer. Chocolates do Brasil (cacau show, Brasil cacau, etc), biscoitinhos caseiros… Não sei nas outras famílias, mas aqui eles adoram um docinho, principalmente caseiro. Então tudo que der pra trazer, traga, da paçoquinha à geleia de pinga que “a vó” faz.

*Cachecol, luvas, toucas… Sabe aqueles trabalhinhos lindos de tricô que toda família tem uma “tia” que faz? É um presente lindo de se dar, e com certeza terá muita oportunidade de uso por aqui.

*Não percam tempo com Atlas e livros sobre os últimos 500 anos da história do Brasil. Nem os Brasileiros sabem a própria história, pra que querer enfiar isso “guela baixo” das nossas American kids? Geralmente o pessoal por aqui não está muito interessado em decorar as regiões e estos brasileiros. para ser honesta, minhas kids não se interessam por quase nada do Brasil, com excessão do futebol, claro. Se bem que depois do vexame da copa, até o futebol deu uma caidinha por aqui. https://www.acheterviagrafr24.com/achat-viagra-en-ligne-belgique/ Então, segundo minha própria experiência, eu não perderia mais tempo com livros e jogos sobre o Brasil. A medida que as kids vão gostando da gente é que eles vão se interessando pela nossa cultura. E aí tem internet pra mostrar fotos, não precisa vir com 5 bíblias geográficas na mala.

*camisetas de times e chinelos havaianas. Algumas meninas trouxeram e foi um sucesso, mas eu não traria. Chinelo de dedo é o que mais tem em qualquer mercadinho de esquina no verão, alguns custando a baratela de 1 dólar o par. E camiseta de time… Bem, como eu já disse, não estamos tão em alta assim, mas aí vai de cada uma. Meus meninos teriam gostado de ganhar camisetas do time brasileiro, mesmo já tendo uma

cada um. Acho que também teriam gostado de uma bola personalizada também, mesmo já tendo 500 aqui em casa.

*Aqueles kits vendidos em lojas típicas de presentes brasileiros, também pode ser uma boa (tipo kit caipirinha, kit “coisas típicas”, etc).

Um livro de receitas típicas (em acheter viagra inglês) pra hosta também poderia ser sucesso. O difícil é encontrar!

O engraçado é que nós Brasileiros somos muito encanados em querer agradar com presentes, mas nos outros países não é bem assim. Recebemos a visita de uma antiga au pair alemã

há algumas semanas, e a única coisa que ela trouxe de presente foram uns cookies grandes em formato de coração, com o nome de cada um escrito (um nome em cada cookie). E o mais engraçado é que ela falou que não pode comer o cookie (oi?). E quando cheguei aqui na casa, o único presente que ganhei foi um par de luvas de lã artesanais (daquelas que não tem os dedos, fica parecendo que coloquei uma meia na mão).

Essa é a filó “patchwork” que falei, ficou pendurada no banheiro da casa de férias

Enfim, espero ter ajudado de alguma forma, sei o quanto é difícil decidir os presentes! Se alguém tiver dúvidas, sugestões, críticas, pode deixar nos comentários que eu sempre respondo (não to famosa ainda) kkk.

Ah, e se alguém tiver sugestão de tema para um próximo post, pode deixar nos comentários também.

É isso aí, até a próxima.  😉

No comments

28 nov 2012

Natal chegando… hora de comprar presentes!

Categoria: Au Pair is..., Cultura, Dicas

Por:

Olá meninas, tudo bem?

Espero que sim… e espero que estejam preparadas pra passar o Natal sem a família original, pois estando nos EUA, poucas meninas conseguem voltar ao Brasil passar esta época com os parentes… mas eu acho incrível poder partilhar do Natal dos americanos… é uma festa cheia de cores, luzes, magia, nos sentimos como nos filmes =)

Há neve (em alguns lugares), muitos enfeites, luzes, música natalina nas lojas e onde quer que vc vá, eventos de época, promoções.. enfim, como em qualquer lugar o mundo para porque é Natal, mas nos EUA, tudo tem um pouco mais de glamour…hehehe…

Natal é tempo de presentes, e vc como boa Au pair sente-se na obrigação de presentear suas kids e host parents, certo?

Mas seu salário não é lá muito privilegiado pra comprar coisas grandiosas de presente pra tanta gente ao mesmo tempo. Mesmo que vc cuide de uma criança só, são 3 presentes, porque há os pais… então isso vira um problema, mas só se vc quiser… e se vc abusar!

As famílias tem plena noção do quanto ganhamos (afinal são eles que pagam) e sabem que não somos pessoas ricas e que tem obrigação de comprar-lhes presentes – mas pode esperar que eles vão te dar alguma coisinha, então é bom se preparar com algo pra não ficar chato na hora de “trocar” presentes…

Eu cuidava de 4 crianças, as idades eram: 5 anos (menino), gêmeas de 8 anos e a mais velha de 10. Então são 4 kids e mais 2 mães (sim, eu fiquei numa família gay, que tinha 2 mães) – contabilizando: eram 6 pessoas!!! Ahhhhhhhhhhhhh…

Vcs devem estar pensando que eu fui à falência no Natal, mas não… como boa mão-de-vaca e louca por preços baixos e liquidações, comecei a comprar os presentes desde a Black Friday, Cyber Monday e os resquícios desses feriados comerciais onde encontrei preços bons ainda… porque depois tudo encarece conforme chega mais perto da data do Natal…


Vc também podem optar por comprar em lojas como Dollar Tree (que é tudo por U$1,00) Enlouquecedor!! Adoro!! ou numa que se chama 5 BELLOW, que vende milhares de coisas muito bacanas com valores de U$5,oo pra baixo… muito legal essa loja e as duas tem em quase todo o território americano… vale super a pena conhecer!!

Eu citei essas lojas porque minha família americana tinha o costume de dar vários presentinhos pequenos ao invés de um super-presente nas datas comemorativas… então me aproveitei desta tradição deles e comprei vários cacarequinhos como coisinhas de escola (canetinhas coloridas, borrachas em formato de bichinhos – que eles amavam!), livrinhos de colorir, bonequinhas, carrinhos, kit de fazer bolhas de sabão, jogos de tabuleiro tradicionais, dominó, enfim… coisas baratinhas, que juntas dão uma impressão de grande, muitos presentes fazem uma vista bem legal e vc não gasta muito, pois brinquedos são muito caros nos EUA, porque são sempre muito tecnológicos e modernos e vistosos, etc…

Os ‘squeezes’ são ótimos porque além de coloridos, lindos, são práticos: as kids levam pra escola, pra casa de amigos, pra rua, atividades extras, etc… e são super baratos!!

Pra mim deu certo este esquema… minhas kids amaram tudo e usaram tudo, em comparação, as bonecas, jogos e ebrinquedos eletrônicos que ganharam das mães foram usados na primeira semana e logo esquecidos…
Eu também fui presenteada com várias coisinhas, tipo cremes, produtos de beleza, um vale compras na Forever 21 (que eu mega amei!) As host mothers me deram: um GPS também porque eu era meio perdida, mas elas eram RICAS e eu a pobre coitada que trabalhava pra elas, então nem me senti muito mal em dar uma garrafa de vinho, que paguei em média U$10,00 e um DVD do Elton John que paguei U$5,00 e mais um monte de quitutes que comprei no mercado, como frutas secas, torradas, compotas e geléias, e fiz uma cesta romântica para as mães.. elas amaram, acharam super criativo e delicioso o presente!!! =)

Bom, aí ficam minhas dicas, pra vcs não ficarem falidas neste fim de ano e agradar a todo mundo!!!

Não se preocupem com presentes de Natal pra família no Brasil, pois vc já vai levar algum presente pra eles quando voltar de viagem, aí fica pra todas as datas em que vc esteve ausente…. hehehehe…

O importante nesta época é agradar a sua host family que está te abrigando nos EUA e é com quem vc está vivendo esta experiência maravilhosa =) O presente é como um agradecimento, reconhecimento que vc gosta deles, não importa o valor, mas sim o significado de vc ter dado algo a eles e que eles vão lembrar quando olharem ou usarem aquilo que vc deu!!! =)

Boas compras e bom início de época de Natal… divirtam-se!!! Beijos

 

No comments

12 out 2012

Dia das Crianças…

Categoria: Au Pair is...

Por:

Happy Kid’s Day!!

Nos EUA não há o Dia das Crianças, pelo menos não é comemorado, não é algo da cultura deles… então, nós como brasileiras, podemos introduzir esse dia e essa comemoração no nosso ano nos EUA!

Há o Dia Mundial da Criança, mas que é praticamente desconhecido. Só pra vc saber:

O Dia Mundial da Criança é oficialmente dia 20 de novembro, data que a ONU reconhece como Dia Universal das Crianças por ser a data em que foi aprovada a Declaração dos Direitos da Criança.Porém, a data efectiva de comemoração varia de país para país. É uma das datas especiais mais celebradas e conhecidas do mundo. (Wikipedia)

Como surgiu a data comemorativa, pra vc explicar pra sua Host Family se quiser comemorar com eles:

Na década de 1920, o deputado federal Galdino do Valle Filho teve a ideia de “criar” o dia das crianças. Os deputados aprovaram e o dia 12 de outubro foi oficializado como Dia da Criança pelo presidente Arthur Bernardes.

Mas somente em 1960, quando a Fábrica de Brinquedos Estrela fez uma promoção conjunta com a Johnson & Johnson para lançar a “Semana do Bebê Robusto” e aumentar suas vendas, é que a data passou a ser comemorada. A estratégia deu certo, pois desde então o dia das Crianças é comemorado com muitos presentes. Logo depois, outras empresas decidiram criar a Semana da Criança, para aumentar as vendas. No ano seguinte, os fabricantes de brinquedos decidiram escolher um único dia para a promoção e fizeram ressurgir o antigo decreto. A partir daí, o dia 12 de outubro se tornou uma data importante para o setor de brinquedos no Brasil. (Wikipedia)

Eu particularmente não gosto dos Dia das Crianças pois muitas crianças que não tem dinheiro ficam com vontade de ganhar brinquedos caros que a TV mostra e isso frustra muito…

Mas se vc mora numa casa rica nos EUA, pode avisar os Host Parents sobre a data e pedir pra que eles comprem os brinquedos para seus filhos e vc organize uma pequena festinha de Dia das Crianças com a ajuda deles… e aí vc mostra um pouquinho da nossa cultura para os americanos…

Fica a dica… =)

E acima de tudo:

Feliz Dia das Crianças para VOCÊ, pois afinal, para ser Au Pair, temos que ter uma criança em nós!!!

Beijos!!!

No comments

10 abr 2011

Meus presentes para a host family

Categoria: Cultura, Dicas

Por:

presentesQuando fui para a minha primeira Host Family, perguntei à minha host mother o número de calçado que ela e as crianças usavam. Assim, levei Havaianas pras crianças, aquelas com bichinhos (de borboletinha e joaninha, já que eram duas meninas) e uma de um modelo um pouco diferente do original pra host mother. Porém, os números nas Havaianas não estão muito equivalentes aos números de calçados nos EUA. Por exemplo, aqui no Brasil calço 36, uso Havaianas 37/38, e que está marcada como sendo número 6 nos EUA. Porém, meu número mesmo nos EUA é 7 ½. Assim, tomem cuidado com essa numeração. Levei um par para minha host com o número que ela me passou e acabou ficando ENORME pra ela. Pras crianças não teve muito problema, já que os pés crescem super rápido.

Também pra minha host levei um conjunto com colar e brincos, num tom meio marrom alaranjado, feito de pedras brasileiras, e ela simplesmente adorou. Usava sempre. Pro meu host levei um jogo de “resta um”, também feito de pedras brasileiras.

Fora isso, levei alguns chaveiros do Brasil, sabonetes da Natura (aqueles feitos com ingredientes encontrados no Brasil), um jogo de fazer caipirinha e bonecas do tipo “Emília” também pras meninas.

Como não dei tudo de uma vez, depois no natal fiz uma cesta com os sabonetes e dei pra minha host mother e dei o jogo de caipirinha pro meu host, e o ensinei como fazer.

Quando fui pra segunda família, como já estava nos EUA, montei um kit com chocolates como Bis e Sonho de Valsa pras crianças (não lembrei que o menino tinha alergia a tree nuts – oops). Pro pai levei um vinho, comprado nos EUA mesmo, e pra mãe dei também os chocolates, já que ela é alérgica a cosméticos/xampus/sabonetes com cheiros fortes.

Bom, ficam aí algumas dicas. Sei que há lojas aqui no Brasil com várias opções de presentes e lembrancinhas do Brasil (e foi numa dessas que comprei os presentes feitos de pedra).

Algumas outras dicas são: livros com imagens do Brasil, cachaça, camisetas da seleção brasileira, bonés, doces típicos (goiabada, bananinha, doce de leite…tudo industrializado!) e mais o que a imaginação mandar.

P.S. – pra quem for de São José dos Campos e quiser uma dica de loja com coisas legais pra levar, é só pedir 😉

4 comments