13 set 2011

TPB – Tensão Pré Brasil

Categoria: Au Pair is...

Por:

Estou a 35 dias de ir para casa. Muito ansiosa e feliz, sem dúvidas quanto a isso.
Se vocês quiserem saber o que se passa na cabeça nesse momento, posso dizer que estou quase tão assustada como quando eu vim sozinha para os Estados Unidos. Que coisa estranha.

1 ano longe dos amigos, da família, das gírias, dos babados, da moda, da língua, do sotaque, do clima, da comida, da banda que você fazia parte, dos sentimentos que ficaram em casa, dos momentos importantes que você não pode comparecer, da vida dos seus melhores amigos que agora ja tem outros bons amigos que estavam la no seu lugar. Muito tempo longe de um mundo que você fez parte mas agora parece que não faz mais. Agradeço ao esforço de todas as pessoas que tentaram me manter parte de suas vidas. Reconheço o carinho de vocês por mim e tenho certeza que estaria muito mais assustada nesse momento se não fosse por vocês. O questão é que as coisas mudam muito rápido, todo mundo sabe disso, e 1 ano é muito tempo longe. Tenho certeza que o mundo em que eu fazia parte está muito diferente agora, assim como eu estou diferente também.
Por isso tudo talvez algumas pessoas ou lugares não se encaixam mais comigo, mas estou cheia de vontade de fazer as coisas darem certo e ter minha rotina de volta e agora com adicionais, porque todas as pessoas que eu conheci aqui só somaram na minha vida e estou MUITO triste por deixa-los pra tras.
Nunca pensei em começar uma vida nova em um lugar diferente, por isso não posso dizer que vou ter a minha vida de volta, minha vida é essa e eu sou assim. Por onde eu vou eu conheço pessoas maravilhosas que não quero esquecer nunca mesmo. Acrescentam muito na minha história.

Só quero dividir isso com vocês por é uma coisa que faz parte do processo, não tem jeito.
Estou escrevendo com a barriga gelada imaginando como vai ser, mas se tem uma coisa que eu aprendi e vivi aqui é que a vida é uma caixinha de surpresas e eu posso me surpreender muito na minha volta.
E o tempo então. Ele não voou, ele se teletransportou. Não é possível gente, já foi um ano. Passou tão rápido que eu quase não senti. Quase, porque alguns momentos foram intermináveis. rs

Estou muito feliz mesmo por ir pra casa. Aprendi muito com a vida e as vezes parece que vou explodir de alegria por ter tido a oportunidade de passar esse ano aqui. Tem sido BOM DE MAIS! Meus pais foram fenomenais por terem tido tamanha confiança em mim, vou ser eternamente grata por isso.

Sigo por aqui com a minha barriga gelada e o meu medinho de voltar pra casa. Mas se tudo deu certo até aqui, não vai dar quando eu estiver em casa?
Sempre me perguntam se estou feliz por estar partindo. Alou galera, a resposta é SIM.

5 comments

  1. Fernanda disse:

    Ola Larissa, queria muito q vc me add no face ou msn, para q vc me fale algumas coisas, e tavez me ajude decidir ir ou nao… eis a questão kkk beijos aguardo

  2. Rosana Cunha disse:

    Oi Larissa, estou na fase final do app, falta somente o video, que digamos que tenha me deixado um pouco confusa..rsrs, gostaria de algumas dicas sua, posso te add no face tb? bjoO e boa sorte!

  3. ana paula disse:

    Oie larissa, eu quero ser au pair, mais queria umas dicas, e tirar algumas duvidas tambem, se puder me adc no msn, bjos

Leave your Commnet!